As dez melhores linguagens para programar um backend

As dez melhores linguagens para programar um backend
As dez melhores linguagens backend

Embora os usuários tenham acesso ao front-end do aplicativo, isso afeta o sucesso ou a falha do aplicativo ou software. O que é mais eficaz para o sucesso ou falha do software é o back-end do aplicativo ou software. É porque ele é o cérebro do aplicativo e adiciona uma pequena funcionalidade ao aplicativo.

É uma das maiores razões pelas quais mais e mais linguagens de desenvolvimento de backend estão se tornando populares para a criação de diferentes tipos de aplicativos.

Devido a este problema, sempre que um aplicativo profissional for desenvolvido, o departamento de TI analisa cuidadosamente os requisitos e, em seguida, decide usar a linguagem de programação backend.

Quando a tecnologia de back-end certa é selecionada, ela ajuda no processo de desenvolvimento fácil e traz os seguintes benefícios junto com ela.

  • A velocidade de desenvolvimento aumentou.
  • O aplicativo oferece suporte a opções de escalabilidade.
  • A capacidade de resposta do aplicativo é excepcionalmente melhor.

Embora seja ótimo usar a melhor tecnologia de back-end em termos de compatibilidade, selecionar uma não é fácil. É preciso muito trabalho para saber qual idioma pode ser o melhor para qualquer aplicativo de software.

Portanto, selecionamos as dez melhores tecnologias de back-end que você pode usar para sua facilidade e as definimos para que você possa compará-las com seus requisitos. Assim, ao selecionar o idioma certo, você pode desenvolver um back-end de excelente funcionamento para o seu software em nenhum momento.

O que é um backend de aplicativo?

Antes de passar diretamente para os idiomas, você deve saber um pouco sobre o back-end do seu aplicativo. Portanto, discutiremos aqui o back-end de seu aplicativo e seu funcionamento.

Quando olhamos para o software e os aplicativos da perspectiva do desenvolvedor, podemos ver muitas coisas acontecendo. Há um front-end e depois um back-end.

A lógica está presente, e tudo como operações do lado do servidor e funções de banco de dados tratou do back-end. Embora o front end esteja visível quando você desenvolve um aplicativo, a maioria das funcionalidades do aplicativo está no backend.

Apesar de ser a parte central do software ou aplicativo, o back-end não é visível para o usuário final, e a razão para isso é que o front-end foi feito para tornar as coisas menos complexas e mais fáceis de usar.

Uma palavra sobre linguagens de programação

Como nosso cérebro pode compreender e processar algumas línguas que aprendemos ao longo dos anos, o mesmo acontece com o cérebro do computador. Ele pode dividir algumas linguagens em conjuntos de comandos e depois processar esses comandos.

Essas linguagens que são convertidas em conjuntos de comandos são chamadas de linguagens de programação. Eles são usados com compiladores e sintaxe específicos para permitir que o computador os processe.

Tipos de linguagens de programação

Existem dois tipos principais de linguagens de programação e aqui estão os detalhes sobre cada um deles.

Linguagem de programação de alto nível

É a linguagem que possui palavras mais fáceis de entender. A maioria das palavras é comumente usada em nossa conversa diária, portanto, esse tipo de linguagem é elementar para entender, ler e examinar. Aqui, um compilador e um montador trabalham para traduzir esse código em código de máquina que a CPU pode processar.

Linguagem de programação de baixo nível

Essas são as linguagens diretamente compreensíveis para a máquina, portanto, também são chamadas de linguagens de máquina. Esses são conjuntos de comandos que o compilador deve seguir. No entanto, aqui o assembler traduz esses comandos em código de máquina que é processado pela CPU.

As dez melhores tecnologias de programação de backend

Embora existam muitas linguagens de programação de back-end disponíveis agora, todas elas não são boas. Portanto, selecionamos as dez melhores linguagens que você pode usar para o processo de desenvolvimento de seu aplicativo e também classificamos seus recursos e limitações. Portanto, a seguir estão as dez melhores linguagens de desenvolvimento de back-end que você pode usar.

1. JavaScript

JavaScript é uma das linguagens mais populares da última década. Ele permite que os desenvolvedores façam front-end e back-end com a mesma sintaxe, o que reduz significativamente a carga de trabalho.

O Express.JS e o Node.js permitem o gerenciamento e a execução das duas pontas do aplicativo, enquanto as APIs ajudam no desenvolvimento mais rápido e fácil dos aplicativos.

Recursos

RecursoObservações
Desenvolvimento rápidoUsar a mesma sintaxe para o front-end e o back-end torna o JavaScript muito fácil e rápido de desenvolver.
Tecnologia de backend lenienteEmbora haja diferentes middlewares suportados e preferidos pelo JavaScript, não há restrições para usá-los. JavaScript permite que os desenvolvedores selecionem e usem qualquer middleware que desejem implementar.
Custo benefícioSó porque você pode usar JavaScript para desenvolver o front-end e o back-end dos aplicativos, isso reduz significativamente os custos de desenvolvimento.
I/OO Express.JS e o NodeJS permitem que os programas lidem com as solicitações de E / S e notificações dos aplicativos conectados.
Open-SourceJavaScript é uma tecnologia de código aberto, e é por isso que uma enorme comunidade de desenvolvedores está trabalhando nisso. Isso significa que JavaScript estará em constante aprimoramento e comunidades ativas de desenvolvedores de back-end e front-end por um longo tempo.
Menos sobrecarga de scriptAlguns dos recursos integrados aumentam a eficiência da codificação e também melhoram o desempenho. Os recursos que fazem isso são DOM, aros e muitos mais. Eles também melhoram a menor sobrecarga de script.

Limitações

  • As funções orientadas a eventos são muito complicadas.
  • A maioria dos programadores que usam JavaScript são incapazes de compreender o middleware usado com ele.
  • O JavaScript requer MySQL para serviços de banco de dados muito complexos e desatualizados.
  • A maioria dos desenvolvedores não prefere a liberdade que a estrutura de back-end JavaScript oferece.

2. Python

Python foi criado em 1991 e emergiu como uma ótima linguagem multiuso desde então. Ele fornece um ambiente de desenvolvimento de back-end muito limpo e fácil. De acordo com uma pesquisa Stack Overflow realizada em 2020, esta foi a 3ª linguagem de programação mais amada pelos desenvolvedores.

Recursos

RecursosObservações
Fácil de aprenderPython fornece um ambiente de desenvolvimento muito próximo de escrever em inglês. É por isso que é muito fácil de aprender devido à sua alta legibilidade.
Muitas bibliotecas estão disponíveisExistem muitas bibliotecas disponíveis para v que tornam a necessidade de escrever código muito menor. Você também pode usar a maioria das bibliotecas para aprimorar as tarefas implementadas.
IoTVocê pode usar Python para criar objetos Raspberry Pi.
Códigos embutidosA regra de escrita uma vez executado em qualquer lugar (WORA) torna o Python embutido no código-fonte de linguagens como C ++.
Custo benefícioTem muitos desenvolvedores trabalhando, e as bibliotecas são gratuitas, o que torna o desenvolvimento em Python muito econômico.

Limitações

  • A camada de acesso ao banco de dados não é tão desenvolvida quanto outras linguagens.
  • Os programas desenvolvidos em Python requerem muitos testes e depuração.
  • Python é altamente dependente de bibliotecas e estruturas de terceiros.
  • Se a aplicação for interrompida, o tempo de execução fica muito lento.

3. Ruby

Esta linguagem de programação foi desenvolvida em 1990 por um especialista em programação japonês. O melhor dessa linguagem é que ela tem uma sintaxe semelhante a Python e Java. Não só isso, mas permite grandes recursos de automação. É a razão pela qual plataformas como Airbnb e Esty usam isso para fins de automação.

Recursos

RecursoObservações
ProdutividadePor causa do suporte de bibliotecas de terceiros do Ruby, é muito produtivo. Junto com as bibliotecas, Ruby é uma linguagem muito fácil e, na maioria das vezes, não há necessidade de documentação.
Meta-programaçãoMetaprogramação é uma das melhores características do uso de Ruby. Ele permite que os programas obtenham e modifiquem dados de outros programas. A melhor parte é que todo o processo é feito em tempo de execução.
Recursos de testeExiste uma biblioteca em Ruby com recursos de teste. Garante o desenvolvimento de qualidade de todas as aplicações.
Confiável e rápidoO método de programação orientado a objetos e os resultados do processamento de consultas tornam Ruby uma plataforma de desenvolvimento muito rápida. Ele pode se desenvolver cerca de 40% mais rápido do que outras tecnologias.

Limitações

  • O tempo de execução do Ruby é comparativamente mais lento do que outras linguagens.
  • O número de bibliotecas e fontes disponíveis para Ruby não é grande.
  • Como Ruby é uma nova linguagem, os desenvolvedores atuais acham um pouco difícil de aprender.
  • Os programas codificados em Ruby são difíceis de depurar.

4. PHP

Foi desenvolvido em 1994 e, desde então, tornou-se a melhor linguagem de desenvolvimento do lado do servidor do mundo. De acordo com uma pesquisa da W3Tech, cerca de 79% dos sites do mundo são feitos em PHP.

Recursos

RecursosObservações
Fácil de usarPHP é uma linguagem que você pode usar para muitos propósitos diferentes. É muito fácil de usar e implementar e pode funcionar facilmente com os requisitos modernos, como integração de banco de dados. Também é uma excelente linguagem para iniciantes porque é fácil de usar. O menor tempo necessário para ter um bom controle também motiva os desenvolvedores iniciantes.
Open-SourcePHP é uma linguagem de código aberto com várias bibliotecas disponíveis. Isso significa que pode fornecer grandes benefícios se você estiver procurando desenvolver um back-end.
VersátilPHP é uma linguagem de programação que pode ser executada em todos os sistemas operacionais. Além disso, é tão versátil que os programas codificados em PHP também podem ser executados em qualquer navegador da web.
SeguroPHP tem muitos recursos de segurança integrados que o tornam muito seguro como uma linguagem de desenvolvimento de backend. Esses recursos de segurança permitem mitigar vários threads para melhor segurança do sistema.
AutomaçãoEm termos de automação, o PHP é uma ótima linguagem de programação. É porque ele pode automatizar facilmente a autenticação, mapeamento de URL e gerenciamento de sessão.
ComunidadePHP é uma linguagem que possui uma enorme comunidade de desenvolvedores e também é versátil, portanto, a maioria dos desenvolvedores sabe como usá-la. Além disso, o PHP também é muito barato. É o penúltimo lugar na lista das tecnologias mais bem pagas, de acordo com uma pesquisa de desenvolvedores que a Stack Overflow realizou em 2020.

Limitações

Embora fosse uma linguagem muito popular, agora não é tão popular. A razão para isso é que a maioria das pessoas nem se preocupa em adicioná-la às suas habilidades.

Essa linguagem de desenvolvimento de back-end é ótima no desenvolvimento de back-end, mas se a compararmos com as tecnologias de back-end modernas, ela está muito atrás.

Por ser de código aberto, um dos maiores problemas com o PHP é que ele pode ser mal utilizado, e isso pode causar a criação de códigos com bugs e não tão bem otimizados.

5. Java

Java foi feito em 1991, mas foi oficialmente publicado em 1995 e, a partir dessa época, emergiu como uma das melhores linguagens de programação do mundo. Ela também é classificada como a segunda melhor linguagem de programação no índice TIOBE de 2021. Além disso, é a melhor opção para construir aplicativos móveis.

Recursos

RecursosObservações
EscalávelO framework de desenvolvimento de Java permite desenvolver aplicações com opção de escalabilidade. Isso é possível porque permite que o lado do servidor execute várias instâncias ao mesmo tempo. Isso o torna uma excelente tecnologia de desenvolvimento de back-end.
Compreensão fácilA sintaxe usada na programação Java é muito simples e fácil de entender. É porque é mais fácil lembrar as palavras-chave. Isso torna a programação, atualização e depuração muito fáceis para os desenvolvedores.
Multi-threading com suporteQuando falamos sobre o uso de servidores web, Java é a linguagem de programação que pode lidar com diferentes solicitações de thread independentes. No entanto, requer muitos threads de CPU para funcionar também.
Bibliotecas de código abertoSuponha que você esteja procurando o suporte de bibliotecas de código aberto. Então Java é uma das melhores linguagens de programação de backend. É porque ele tem bibliotecas enormes. Eles podem ser usados para adicionar facilmente todos os recursos adicionais do servidor ao seu aplicativo.
Possui opções de segurança aprimoradas.Java é uma ótima opção se você está procurando construir um ótimo sistema em termos de segurança. É porque aqui a segurança é muito forte. Um exemplo disso é que a máquina virtual Java primeiro verifica o bytecode para garantir que não haja vírus e, em seguida, o processo continua.

Limitações

  • A linguagem de programação Java é demorada.
  • Não há programação de baixo nível feita em Java.
  • Não há comandos para coleta de dados de lixo.
  • Java é uma linguagem que funciona melhor em sistemas caros ou de ponta. Isso torna o desenvolvimento em Java muito caro.
  • Na seção GUI dos aplicativos de desenvolvimento Java, muitas coisas necessárias como ferramentas e objetos de interface da moda estão faltando.

6. C#

C-Sharp é uma das linguagens mais populares para fazer o back-end de um sistema. É por causa de seus recursos incríveis como a automação em servidores Windows. Além disso, é ótimo porque executa códigos muito rápido. Também pode ser usado para desenvolvimento de jogos e criação de aplicativos CLI.

Recursos

RecursosObservações
Suporta desenvolvimento multiplataformaUma das melhores coisas sobre o C-Sharp é que ele suporta o desenvolvimento de plataforma cruzada. Isso significa que os aplicativos desenvolvidos com o C-Sharp podem ser executados em diferentes sistemas operacionais. No entanto, para obter mais informações sobre estruturas de plataforma cruzada C-Sharp, você pode consultar aquele artigo que discute o desenvolvimento de plataforma cruzada em detalhes.
Compatibilidade extensaC-Sharp desenvolveu suporte a aplicativos para compatibilidade com versões anteriores. Isso torna o C-Sharp a melhor opção para os aplicativos que devem ser executados em versões mais antigas de estruturas de programação.
Coleta de dados e valores de lixoPara reduzir os possíveis erros no aplicativo, o C-Sharp possui o recurso de coleta de dados e valores de lixo. Ele coleta todos os dados de lixo que podem atrapalhar os valores durante a execução. Por causa disso, o programa pode fornecer os melhores resultados de forma otimizada.
Object-oriented programmingC-Sharp é a linguagem que oferece suporte à programação orientada a objetos. Isso significa que os desenvolvedores podem fazer bom uso das classes e relacionamentos. Isso torna o código excepcionalmente fácil de depurar, entender e até mesmo reutilizar.

Limitações

Embora seja uma linguagem de alto nível, isso criou um problema que a linguagem não pode interagir diretamente com o hardware.

Não é ótimo em termos de compatibilidade com diferentes sistemas, porque você só pode instalá-lo de um computador Windows.

Além disso, ele só pode ser executado usando a estrutura .Net. Portanto, podemos dizer que essa tecnologia é muito inflexível se comparada às tecnologias de back-end mais recentes.

7. Perl

O Perl foi desenvolvido há cerca de 3 décadas, pois é uma linguagem que ainda tem um desempenho excepcionalmente bom onde é necessário. O interessante do Perl é que ele foi classificado como uma das linguagens mais lucrativas pela pesquisa de um desenvolvedor da Stack Overflow. Perl 5 é a versão que ainda é amplamente utilizada para prototipagem e automação.

Recursos

RecursosObservações
Compatível com múltiplas plataformasPerl é uma linguagem que funciona em muitas plataformas diferentes, como Windows, Unix, Linux e Mac. Isso torna muito fácil para diferentes tipos de desenvolvedores trabalhar.
Perl é uma linguagem de código abertoComo a maioria das linguagens de programação, Perl também é open source. Ele também fornece várias bibliotecas para facilitar os desenvolvedores.
ExtensibilidadePerl é uma linguagem que suporta extensibilidade. Isso significa que você pode usar as bibliotecas C e C ++. Além disso, os programas Perl também podem ser integrados aos programas C e C ++.
Processamento de textoPerl ainda mantém a conformidade com POSIX. Isso significa que as funções de processamento de texto do Perl ainda são excelentes. Ele também mantém os recursos avançados de processamento de chamadas de soquete.

Limitações

  • O processamento ou programas desenvolvidos na linguagem Perl não são tão bons quanto algumas outras linguagens.
  • As bibliotecas disponíveis no Pearl não possuem alguns dos recursos mais necessários.
  • O processo de correção de bugs em Perl não é tão fácil e é muito desafiador.
  • Se seu código for extenso, não será apenas um desafio manipulá-lo, mas também será muito desafiador para o sistema lidar com o código.
  • Escalabilidade não é uma opção disponível quando você usa Perl.
  • A velocidade do aplicativo desenvolvido em Perl não é tão grande.
  • É uma linguagem cara porque é uma tecnologia mais antiga e não há muitos desenvolvedores disponíveis. Além disso, essa linguagem leva muito tempo para ser aprendida e dominada.
  • As bibliotecas disponíveis em Perl não são gratuitas, pois você tem que pagar taxas de cópia por elas.

8. C++

Podemos chamar isso de versão avançada da linguagem C porque é a mesma, mas tem algumas adições incríveis. Uma das maiores adições ao C ++ é que ele oferece suporte à programação orientada a objetos.

É uma das linguagens de programação mais antigas e, por ser uma linguagem de baixo nível, pode interagir diretamente com o hardware. Faz com que tenha um desempenho muito bom. A melhor parte é que você pode usá-lo para desenvolver os sistemas mais recentes sem faltar ou faltar os recursos necessários.

Recursos

RecursosObservações
PortabilidadeUm dos melhores recursos de usar C ++ é que ele é portátil. A linguagem pode funcionar facilmente em qualquer sistema operacional de plataforma diferente e compiladores. Isso torna o C ++ ótimo para realizar diferentes tarefas.
Programação orientada a objetosC ++ oferece suporte à programação orientada a objetos. Isso torna muito fácil criar diferentes tipos de programas e aplicativos. Também torna muito fácil para os desenvolvedores atender a todos os requisitos do aplicativo usando sua arquitetura de programação estruturada.
Linguagem de baixo nívelC ++ é uma linguagem de baixo nível, o que significa que não requer muitas traduções. Desta forma, ele pode interagir facilmente com a maioria do hardware. É a razão pela qual ele é usado para codificar a maioria dos recursos de hardware do sistema.
O gerenciamento de memória é ótimoO gerenciamento de memória feito em C ++ é ótimo, o que torna os aplicativos codificados em C ++ muito eficientes em termos de gerenciamento de memória. Os desenvolvedores também podem controlar como seu programa codificado acessa a memória necessária, o que o torna ainda mais eficiente em termos de memória se codificado corretamente.

Limitações

Não há trabalho feito na coleta automática de dados ou valores de lixo. A segurança do hardware não é grande ao usar C ++. Por isso, se alguém quiser, pode manipular o código para interagir com o hardware do sistema.

9. Kotlin

Kotlin é a linguagem de desenvolvimento de back-end que pode ser encontrada no Android Studio como uma opção. Embora tenha sido criado em 2011, agora está assumindo o Java porque agora a maioria dos aplicativos está sendo desenvolvida com ele. Outra coisa incrível é que agora ele oferece suporte ao desenvolvimento entre estruturas, tornando-o mais popular e amplamente aceito.

Recursos

RecursosObservações
Menos código é necessário para o desenvolvimentoKotlin fornece um ambiente de codificação muito conciso, onde muito pouco código pode fazer a maioria das tarefas. Leva muito pouco tempo para realizar as tarefas.
Compatibilidade JavaO código não requer margens quando usado de Java para Kotlin ou de Kotlin para Java. Isso faz com que o código funcione perfeitamente, e os desenvolvedores podem usar perfeitamente os códigos de diferentes linguagens para adicionar mais funcionalidade a seus aplicativos.
Fácil de gerenciarO código do Kotlin é muito fácil de ler, editar e entender. Isso torna muito rápido e fácil para os desenvolvedores gerenciar e atualizar seu código.

Limitações

  • Não há muitos tipos de variáveis primitivas disponíveis no Kotlin. Isso torna o gerenciamento de variáveis em todo o código um tanto difícil. Também pode causar problemas de saída às vezes.
  • As funções aqui também têm tipos primitivos como linguagens tradicionais. Isso torna mais difícil para os desenvolvedores que estão acostumados com outras linguagens.
  • A compilação para aplicativos Android é mais lenta se a compararmos com a do Java.

10. Scala

Scala é conhecido por sua propriedade de combinar programação funcional e programação orientada a objetos. Faz com que ele forneça um código muito conciso. A JVM o capacita, e essa é a razão de sua ampla aceitação. Além disso, o suporte a tipos estáticos dessa linguagem mantém o desenvolvedor livre do incômodo de tipos estáticos.

Recursos

RecursoObservações
Esquema de codificação fácilUma grande coisa sobre Scala é que ele combina o conceito de programação funcional e programação orientada a objetos. Isso significa que você não precisa lidar com os dois separadamente. Isso torna o processo de programação muito fácil.
Compatibilidade com o JavaComo a escala funciona com JVM, ela é compatível com a linguagem de programação Java. Isso significa que, quer o código seja escrito em qualquer linguagem, ele fornecerá o mesmo resultado. Isso o torna uma excelente linguagem de desenvolvimento de backend para desenvolvedores Java.
Natureza concisaO código Scala tem uma natureza de codificação muito concisa, o que o torna muito fácil de manter. Isso torna o trabalho de desenvolvimento e atualização muito simples.

Limitações

A abordagem de codificação do Scala é um pouco não convencional em comparação com as linguagens tradicionais como Java. Isso significa que você pode demorar mais do que o normal para ter um bom domínio desse idioma.

Aqui, a programação orientada a objetos e a programação funcional são combinadas. Como a maioria dos conceitos principais dos desenvolvedores é baseada em C ++, esta combinação de programação orientada a objetos e programação funcional pode ser um pouco difícil para eles.

Conclusão

As tecnologias de backend do mundo da computação estão em constante desenvolvimento, e aqui apresentamos as tecnologias de back-end do mundo atual. Também classificamos e apresentamos os 10 melhores idiomas que você pode usar para desenvolver seu aplicativo.

Com a ajuda de nosso trabalho de pesquisa, esperamos que agora seja mais fácil selecionar um idioma que atenda às suas necessidades da melhor maneira. Dessa forma, você construirá o melhor back-end para o projeto do seu aplicativo em termos de desempenho, eficiência e funcionalidade.

Perguntas frequentes

A seguir está a resposta para as perguntas mais frequentes sobre as tecnologias de backend.

O que são os back-ends?

Quando olhamos para o código de qualquer aplicativo, a parte do código que lida com todas as funcionalidades, como processamento de dados, operação do site do servidor, lógica e operações do banco de dados, é o backend do aplicativo.

Quais são as melhores linguagens de back-end?

– Ruby
– Javascript
– C++
– C#
– Pearl
– Scala
– Kotlin
– Java
– PHP
– Python


Leave a reply

Your email address will not be published.